Força tarefa começa os trabalhos de recuperação das vias nos próximos dias, assim que o solo estiver menos encharcado

Em decorrência das chuvas acima da média que caem na cidade há três meses, o prefeito Jairinho Maia se reuniu nesta quarta-feira (05), com integrantes das secretarias de governo para ordenar a imediata recuperação dos acessos às comunidades rurais.

A medida foi tomada levando em consideração as previsões do tempo que mostram a diminuição da intensidade das precipitações. O levantamento consta que 140 quilômetros de estradas rurais foram parcialmente danificadas.

De acordo com o levantamento da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Condec), houve danos em praticamente todos os trechos das estradas vicinais, impedindo o tráfego de veículos e comprometendo o trânsito de alunos da zona rural.

A ponte do assentamento Flor do Mundaú foi arrastada devido à correnteza do rio. Outra ponte do município, localizada no assentamento Eldorado dos Carajás teve a cabeceira danificada. Em vários trechos houve deslizamento de terra bloquearam a passagem dos automóveis.

De acordo com o prefeito, com o levantamento agora é possível mensurar os estragos provocados pelo volume de chuva e que será necessário esperar o solo secar para ser feito um trabalho de recuperação total.

“Por enquanto será um trabalho paliativo. Infelizmente não é um problema fácil de resolver, o solo está muito húmido o que pode piorar se utilizarmos maquinário de terraplanagem, mas já estão sendo colocados pedras e macadames (tipo de brita) nos pontos mais críticos”, destacou.

A prefeitura está dando assistência aos moradores das áreas afetadas, aos alunos que moram nos povoados e assentamentos. É o que destacou Aldair Vieira de Araújo, coordenador da Defesa Civil de Branquinha. “O nosso maior problema são as estradas que afetam nesse momento diretamente os alunos. Estamos dando assistência aos moradores e as vias dos agricultores rurais”, concluiu o coordenador.

Data de publicação: 05/07/2017

Créditos: Gustavo Corado / Ascom prefeitura

Créditos das Fotos: CONDEC -Branquiha

Compartilhe!